Segurança Hídrica, Emergência Climática, Governança e Vulnerabilidade Social

Autores

  • Pedro Roberto Jacobi
  • Pedro Luis Cortês
  • Paulo de Almeida Sinisgali

Resumo

De acordo com a ONU, oitenta por cento da população mundial está exposta a altos níveis de ameaças à segurança hídrica. Neste sentido, espera-se graves crises hídricas no horizonte até 2070. A governança hídrica não é só uma questão científica, mas é também uma questão de política, de governança e de valores sociais, visando a garantir a disponibilidade de água no século XXI da população. Cada vez mais, é necessária uma abordagem transdisciplinar, que estabelece os vínculos entre as diversas ciências, naturais e sociais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2022-12-21

Como Citar

ROBERTO JACOBI, P. .; LUIS CORTÊS, P. .; DE ALMEIDA SINISGALI, P. . Segurança Hídrica, Emergência Climática, Governança e Vulnerabilidade Social . Diálogos Socioambientais, v. 5, n. 15, p. 5-6, 21 dez. 2022.